Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2011

Deixe Ptolomeu calcular seu mapa! (clique nesse título)

Se você for ao site abaixo: http://www.phys.uu.nl/~vgent/astro/almagestephemeris.htm Terá uma oportunidade interessante: Calculará seu mapa usando os cálculos encontrados por Ptolomeu no seu Almagest. Atenção: você deve colocar a sua data de nascimento no calendário juliano, e não no gregoriano. Esse site converte as datações. Os astrólogos sempre precisaram de mapas do céu no passado e também do futuro, a fim de prognosticar: a observação do céu de hoje era algo restrito a horárias ou a astrologia mundial.
O Almagest é o grande tratado Ptolomaico de astronomia, que ensinava a calcular as posições futuras e passadas dos planetas com base num modelo astronômico que concebia a Terra como Centro.
Em outras palavras, é nele que percebemos o famoso modelo astronômico ptolomaico, cuja disseminação pelas cátedras perdurou por mais de 1500 anos: A Terra no centro do Universo (Geocentrismo), idéia comprada pela Igreja Católica.
Colocar a Terra no Centro pode ser uma mera questão relativa: hoje em di…

Seu mapa astral errado (e não é por causa do Serpentário)

A astrologia que praticamos hoje se baseia em mapas cujas posições planetárias são mega precisas.
Qualquer programa de astrologia decente tem uma precisão razoável porque a maioria se baseia nas efemérides suíças.
Nem sempre foi assim.
Na idade média, os astrólogos usavam tábuas astronômicas do Império Sassânico chamadas Zijs. A Zij mais famosa é a Zij al Shah, tábua usada por Abu Mashar, Masha'Allah, dentre outros.
Essas tábuas tiveram uma ampla distribuição pela idade média, então havia um certo consenso entre os diferentes autores que todos estavam se referindo ao mesmo tipo de zodíaco e de movimento planetário.
Esse consenso, porém, foi quebrado com o advento de métodos de cálculo mais avançados, como a trigonometria esférica e os logaritmos.
O que isso tem a ver com você, que deseja apenas fazer um ou dois reles mapas natais? Tudo a ver. As tábuas Zijs chegavam a resultados que, comparados às nossas modernas efemérides, seriam dados como errôneos.
Os erros chegam a ser grosseiro…

o não tão inútil estudo do número de irmãos da pessoa.

É possível saber, dentro do mapa natal do nativo, o número de irmãos que ele terá. Só que a maioria dos clientes vêm até você já sabendo isso.
Portanto, dentro da astrologia medieval, talvez esse seja o tópico mais inútil. Por que, então, dedicar algum tempo a isso?
Sou da opinião de que qualquer estudo de qualquer área da astrologia nos ensina alguma coisa que extrapola para outras áreas dentro dessa mesma 'ciência'. Estudar sobre os irmãos pode nos ensinar coisas que poderemos aplicar no tópico dos filhos do nativo, por exemplo.
Além disso, o estudo desse tema nos confronta com a representação concreta dos eventos celestes, um tema que virou tabu entre os astrólogos.
Para muitos astrólogos, prever dados objetivos do mapa astral é impossível devido ao viés do anacronismo. Para eles, as interpretações medievais só funcionavam na idade média, pois hoje temos uma realidade totalmente diferente.
A experiência mostra que os argumentos acima são belos, mas não procedem na sua totalidade…

Programas de astrologia - parte 2: Janus

Atenção: as figuras abaixo podem não ser vistas com zoom, como acontecia anteriormente. Sugiro que o leitor tenha o feed por email do blog, cujos emails possuem imagens que podem ser ampliadas.
Se esse post for apenas uma declaração do programa que atende às minhas necessidades, seria um merchadising gratuito, e não sou otário pra falar coisas do gênero de graça.
Claro que estou me coçando aqui pra falar minha opinião...
Também nem é difícil deduzir, pelas figuras que eu posto aqui, que meu programa predileto é o solar fire (SF), mas com restrições que direi a seguir. Qualquer versão a partir da 5 é decente... Uso a mais recente possível, mas isso não tem feito muita diferença nas últimas 3 versões...
Eu não posso falar dos programas que não usei - isso inclui aqueles cuja pirataria é impossível de ser obtida, como o Placidus. Não sou louco de sair comprando programas porque eles são muito caros pro brasileiro comum, e até 2007 eu era um brasileiro levemente acima da linha da pobreza. Pr…

Como interpretar um mapa astral e fazer previsões?

Aproveitando o ensejo do ingresso de júpiter em Áries no último sábado (22/01/2011), vamos aprender a interpretar os trânsitos no seu mapa natal?
Antes de aprender os trânsitos, temos de aprender a interpretar o mapa natal.Essa tarefa é tão extensa que poucos autores tem a ousadia de sintetizá-la num post de blog.

Na verdade, não pretendo dizer tudo aqui:
Para entender esse post, o leitor precisa dominar o entendimento dos pontos abaixo:
CasasLotes ou Partes ÁrabesRegências domiciliares/exaltaçãoRegentes das TriplicidadesEsse post será dividido em duas etapas. A primeira é tão importante que sua aplicação extrapola para além da interpretação de trânsitos.

Isso porque a primeira etapa consiste na interpretação natal do planeta em trânsito, que servirá para qualquer técnica preditiva.

É por isso que o título foi "como interpretar um mapa natal", e não "como interpretar trânsitos".

Você já deve estar cansado de ouvir isso. Soa até demagogo, mas não é:
Se você não souber intep…

Ascendente Escorpião: Librianos enrustidos?

Existem vários argumentos a favor do zodíaco tropical e vários a favor do sideral, mas será mesmo que a questão se resume a escolher um deles e refutar outro?
No post que falei dos eclipses e as chuvas do Rio, você viu que o zodíaco tropical foi o mais adequado para indicar as chuvas porque o eclipse ocorreu em câncer, signo cardinal (violento, móvel) de água (enchentes).

Como essa simbologia foi um fato isolado, não é capaz de formar um veredicto a favor do zodíaco tropical. É preciso outros fatos como esse para corroborar. Até porque o zodíaco sideral tem funcionado bem em muitos mapas natais.
De qualquer forma, a pesquisa sobre qual zodíaco seria o melhor é cheia de armadilhas. É o que vamos ver nos dois mapas abaixo.
A análise simplista desses dois mapas pode até ser um voto a favor do zodíaco sideral, mas ao se analisar o mapa mais a fundo notar-se-á que ele também tem sentido no tropical.
No zodíaco tropical, o Ascendente Escorpião entra em contraste com o que está na mesma altura do…

Programas de astrologia: qual usar? - Parte 1

Acho que nunca fiz uma postagem sobre esse tema tão importante.
O programa de astrologia que você escolher dirá até onde você pode ir ou não na interpretação.
E por quê? Simplesmente porque você não terá condições mentais de calcular tudo que for necessário para todos os mapas sempre, se tiver uma prática mais intensa.
No seu caso, amador, mesmo se a prática não for intensa, há que se aprender com um número expressivo de mapas.
Assim sendo, que programa é o melhor?
O melhor programa de astrologia será aquele que lhe proporcionar de um modo mais fácil e rápido as técnicas que você usar no dia-a-dia.
Perceba que a resposta é super vaga. Até dentro da Astrologia Medieval, que é muito mais específica, os astrólogos podem usar técnicas diferentes, mudando a prioridade do programa a ser usado.
Por exemplo: se você não costuma usar direções primárias, o Solar Fire pode ser bom por outras razões. Por outro lado, se vc não vive sem direções primárias, pode usar o morinus, que é para direções pri…

O estranho fenômeno dos eventos repetidos II - a lei de Velpeau

No post do estranho fenômeno dos eventos repetidos você viu a minha estranha percepção de eventos envolvendo um mesmo elemento raro se repetindo. Pois alguém já percebeu isso muito antes de mim.
Ele se chamava Velpeau, um cirurgião francês, cuja história pode ser lida nos posts desses blogues abaixo: Hunky-Dory, com o post "Leo"Álvaro Taniguti, com o post "Dr Carlos e Velpeau" O primeiro post guarda subsídios para entendermos porque médicos percebem melhor a lei de Velpeau. O próprio Velpeau, um cirurgião, percebeu que pacientes com as mesmas queixas raras apareciam mais ou menos no mesmo intervalo de tempo, que pode variar em horas a dias.
Milhares de pessoas podem pegar gripe numa determinada época do ano, mas daí a duas pessoas que não se conhecem aparecerem mesma na emergência de um hospital mordidas por dois leões diferentes... num país onde o leão não é nativo...
Pessoas ao seu redor podem falar ao mesmo tempo a mesma palavra que você e isso nem é tão notável ass…

Evidências do zodíaco tropical - parte 2

Não sei porque, mas não coloquei uma importante evidência do zodíaco tropical no post anterior: O uso das regências na astrologia horária. Cansei de fazer horárias no zodíaco tropical e acertar o prognóstico.
Errei muito também mas, graças a Deus, os erros crassos foram percebidos e atribuídos, de tal forma que o zodíaco tropical se mostrou infalível em horárias.
Posso dizer que o zodíaco tropical é 99,9% 'infalível' em horárias porque eu fiz muito mais horárias do que mapas natais, sempre usando as regências.
A horária é algo bom para aprender astrologia porque nós podemos ver se ela é correta ou não. A maioria das perguntas terão seu desfecho em curto e médio prazos, então se você não conseguir aprender astrologia com horárias, esqueça.
O eminente astrólogo indiano, K. N. Rao, disse que a astrologia ocidental usuária do zodíaco tropical, tem dado maus resultados, excetuando-se o ramo da astrologia horária.
Ora, se a horária funciona e é dependente de regências, isso fala a favor…

evidências do zodíaco tropical.

Esse post serve para mostrar que eu não estou 'arrastando a aba' apenas para o zodíaco sideral só porque me interesso por Astrologia Indiana...
Vamos enumerar aqui algumas boas razões para você se sentir seguro na hora de usar o zodíaco tropical: Como visto no artigo anterior, as catástrofes naturais foram representadas de um modo satisfatório pelo zodíaco tropical. As duas tragédias naturais envolvendo água - as enchentes e os deslizamentos de terra no Rio e o Tsunami de 2004 no sudeste Asiático - eram indicadas pela presença de maléficos em Câncer, um signo Cardinal de Água. A correlação entre as partes do corpo e os signos também tem se mostrado fidedigna no tropical. Se usarmos métodos de interpretação clássica, as partes do corpo associadas a cada signo seriam melhor indicadas pelo zodíaco tropical.
Por exemplo, o Signo de Aquário representa a Tíbia, e no meu mapa natal ele abriga Vênus, dispositora do Lote da Fortuna.
Para Vettius Valens, o Signo e o Regente do Lote da Fort…

O eclipse, o ingresso e as enchentes do Rio

Não tenho o costume de estudar Astrologia Mundial da mesma forma que natal. As razões para isso são muitas; entretanto, há que se admitir que o último eclipse em Câncer possui uma grande sincronicidade com o que está ocorrendo no Rio de Janeiro; isso me desviou um pouco dos meus estudos de astrologia natal temporariamente.
É engraçado como os símbolos podem se manifestar de um modo muito concreto.
Na verdade, a frase anterior deveria ser modificada. Deveríamos falar "é engraçado como às vezes os eventos astrológicos se manifestam apenas psicologicamente" porque, antes das cabeças egocêntricas há o mundo, cheio de eventos que podem ser representados astrologicamente e até mesmo - vejam vocês - previstos, como fazem os indianos há muito tempo.
Vamos postar a carta de ingresso do Sol em 00° Áries, no zodíaco tropical e com as cúspides do sistema de Casas Alchabitius.

De acordo com a tradição, se o Ascendente da carta do Sol em 00°Ar00'01'' for um signo Cardinal, devemo…

Download - A Antologia de Vettius Valens, GRÁTIS

Isso já circula desde o mês passado na internet. Vou publicar aqui porque o domínio é público e ninguém pode nos impedir.
Saiu o livro mais enciumado da Astrologia em domínio público: a Antologia de Vettius Valens. (Palmas!).
São cerca de trezentas páginas, com letrinha miúda, em Grego Clássico. Foi traduzido ao longo da década de noventa para o inglês moderno pelo respeitável Robert Schmidt, do Project Hindsight.
Porém, nessa corrida de traduções, um cavalo também chegava ao final, afastado do cavalo mais apostado. Ele se chama Mark Riley: um professor Emérito de Línguas Estrangeiras da Universidade de Sacramento, na Califórnia. Sim, ele tem um site.
Mark simplesmente traduziu Valens e disponibilizou na internet em PDF... GRÁTIS. O download pode ser conferido aqui. Por que esse livro é tão enciumado? Porque, antes de ter um download gratuito, a tradução de Schmidt era dificílima de ser conseguida.
Robert Schmidt tem vários méritos, e dentre eles o principal é divulgar a Astrologia Helênic…

Nama Rasi - Seu nome no seu mapa

O 'nama rasi' (literalmente, signo do nome) deve ser visto no zodíaco sideral, pois é uma técnica indiana.
O modo como estiver o signo do nome no seu mapa representará seu destino, conjugado obviamente a outros fatores.
Para você saber em que signo cai o seu nome, é preciso consultar uma tabela e seguir as regras do artigo 'Numerologia Indiana - Katapayadi'. Você pode baixar a tabela aqui ou no link do artigo.
Essa é uma maneira de diferenciar pessoas com mapas astrológicos muito parecidos, mas que tem nomes diferentes (Existem outras que não vem ao caso).
Rodolfo = Ho-do-pho = 8-3-2 = 238 = 19, com resto 10 = Capricórnio. Um adendo: a síbala "Ro" do meu nome é falada como se fosse 'ho' para os ingleses e indianos. Assim sendo, na tabela de katapayadi (clique para baixá-la) eu devo procurar pelo número dado a 'ho', e não a 'ro', que é pronunciado como o erre nos encontros consonantais 'pro' 'pre' 'tra' 'cra'…

Numerologia indiana - katapayadi

A humanidade adora classificar as coisas. Dentro da Astrologia, porém, a classificação tem um propósito claro. Se eu souber qual signo rege um determinado objeto, eu saberei quando ele será afetado por 'influências externas' com antecipação, que é o propósito da astrologia preditiva.
Em se tratando de palavras, a numerologia indiana preenche esse papel classificatório. Existem mais de um método de alocação numerológica às palavras, mas vamos citar aqui o sistema katapayadi.
O sistema katapayadi é o mais popular esquema numerológico dentro da Índia. A determinado grupo de sílabas, dá-se um valor numérico. As palavras tem seu valor descoberto ao se unir as sílabas não por soma, mas por aglutinação.
É o que faremos com o exemplo da palavra "astrologia". Esse exemplo será suficiente para entendermos como o sistema katapayadi funciona. Antes de ler o que vem a seguir, você pode baixar aqui a tabela extraída do link acima:
Separe as sílabas:Astrologia = As - tro - lo - gi - a

O estranho fenômeno dos eventos repetidos

Eu venho percebendo isso há algum tempo, e tenho achado consistente, por mais que seja um pouco absurdo até para mim.
Eu trabalho num consultório de um sindicato, no Centro do Rio. O número de atendimentos não é grande, comparado aos outros locais onde já trabalhei. Eu atendo dois ou três pacientes em média, por dia (porque o centro médico é relativamente novo e necessita de divulgação). Eventualmente, dois ou três pacientes são atendidos em menos de uma hora, e é nessas circunstâncias que eu noto uma coisa que é estranha e repetitiva demais para ser coincidência.
Hoje atendi um paciente que tinha o diagnóstico de hérnia inguinal, confirmado pelo exame físico e pela Ultrassonografia. Meu papel era só solicitar o conjunto de exames que é chamado de 'risco cirúrgico', ou seja, aqueles exames que o paciente precisa fazer para saber se tem condições de se submeter à cirurgia. Foi um atendimento rápido, e em seguida eu chamei o próximo.
O próximo paciente que atendi precisava de um en…