Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2012

Previsões, iniciativa, ceticismo e narcisismo.

Às vezes, nós fazemos previsões que dependem da iniciativa do cliente para que se realizem, e portanto fica sempre a dúvida: será que o astrólogo sugestionou o cliente? Ou será que, mesmo que o astrólogo não tivesse dito nada a respeito, a coisa aconteceria?

É por essas e outras que o astrólogo ganha mais respeito prevendo sobre o destino dos "colaterais" do consulente. Ao invés de usar o mapa do consulente para prever fatos na sua vida, podemos prever algum evento ligado ao pai, à mãe do cliente e aos irmãos do consulente. O cliente não tem 100% de intromissão na vida dessas pessoas, por mais ligado que esteja a elas e, portanto, as pessoas não poderão confabular que o querente foi sugestionado.

Técnicas como essa são vistas no Prasna Marga, livro de astrologia horária indiana, com o intuito de proporcionar segurança ao consulente. Antes de se responder a pergunta do cliente, o astrólogo seria capaz de dizer o tipo de pessoa pela qual o querente passou na rua até chegar ao …

Astrologia por ela mesma.

eu noto insistentemente entre algumas pessoas uma certa resistência em falar de astrologia, como se esse saber alterasse o curso natural das suas vidas. Elas temem que a astrologia as influenciasse a seguir um rumo que não seria o natural para elas, ou que a astrologia as limitasse nas suas conquistas, no potencial das suas vidas.

Tudo na vida é uma questão de crença; acreditar numa possível influência nefasta da Astrologia, que alteraria o curso dos fatos, requer o mesmo esforço que pensar do meu modo: acreditando ou não em astrologia, temos coisas que seremos forçados a experimentar, pelas nossas pulsões, comportamentos compulsivos e teimosia em sermos de um mesmo jeito. Mas eu também concordo que a Astrologia pode ser feita de modos perversos, a depender do astrólogo.

Muito se fala na tal "física quântica" dentro dos meios esotéricos, porém se esquece de um ponto vital que foi descoberto com esse ramo da física: ao se observar um fenômeno qualquer, o observador é capaz d…