Pular para o conteúdo principal

Aviso aos navegantes

Queria informar aos leitores que no dia 18 de fevereiro às 14:00h eu me internarei para me submeter a uma cirurgia de correção de um desvio da minha tíbia direita - fruto de uma fratura e duas cirurgias de lavagem para tratamento de duas osteomielites.

Se tudo der certo após a cirurgia, eu ficarei no mínimo duas semanas de repouso, talvez longe dos computadores para qualquer atividade ligada a Astrologia.

Duas semanas em casa será o tempo mínimo suficiente, se tudo der certo. Caso contrário - ou seja, se a medula da tíbia tiver sua infecção disseminada pela terceira vez - pode ser mais tempo - e o pior, dentro de um hospital, tomando de 28 a 36 dias de Oxacilina endovenosa, até que todas as veias dos meus braços estejam obstruídas, como foi nas outras vezes.

Não fiz horárias para saber do meu futuro: seguirei o conselho de Masha'Allah - não farei horárias para os meus propósitos individuais. Ao invés disso, ouvirei o judeu Ibn Ezra:

"A oitava regra é universal e ocorre pela força da alma, isto é, pela sabedoria. Se, de fato, o nativo for instruído em Astronomia e ele notar na sua Revolução do Ano que sofrerá uma doença por Calor, sendo o momento em que ela ocorrerá quando Marte chegar ao grau do seu Ascendente então, de fato, ele se preservará de qualquer comida quente antes do advento da doença e beberá líquidos gelados; e quando Marte chegar ao grau do Ascendente ele terá moderado o seu corpo com o contrário.

Da mesma forma [ocorrerá] com aquele que tiver fé em Deus de todo seu coração. Deus, de fato, mudará o círculo (Deus enim mutabit circuitum) e antes d'Ele as operações das causas que foram preparadas e assim o nativo é salvo do dano que viria devido à sua natividade.

Não há razão em ter dúvidas se um homem é mais preservado pelo conhecimento da Astronomia. De fato, tem havido muita tribulação devida a qual o julgamento da Astronomia como tem sido propagado - bem como o do adivinhador - estão comprometidos.

Em verdade, feliz é o homem que tem o seu coração em perfeição com o Senhor"

Orem por mim, e Deus mudará o círculo.

Comentários

  1. com sorte será a última das provacoes

    que a recuperacao seja rapida, a base de muitas drogas alucinantes de alto poder recreativo

    abracos

    ResponderExcluir
  2. Ibn Ezra disse:
    " ...assim o nativo é salvo do dano que viria devido à sua natividade." assim será, Rodolfo , o círculo será mudado ! Boa sorte,
    abraço

    ResponderExcluir
  3. Tudo de bom e rápida recuperação.
    Beijinhos
    Patrícia

    ResponderExcluir
  4. Desejo-lhe uma rápida recuperação e que descanse muito.

    Abraço

    António Rosa

    ResponderExcluir
  5. INFORMAÇÃO:

    O Jeffrey Kishner remodelou o seu site «Astrology Bloggers Directory», tornando mais fácil a inscrição neste directório.

    Todos os blogs (em todas as línguas) que estavam no antigo site, se quiserem, podem inscrever-se novamente. Foi o que fiz.
    Quem nunca se tinha inscrito, pode fazê-lo agora.

    Entre por aqui:

    http://astrologybloggers.com

    Depois: «Add Your Blog».

    A partir daqui é um pode ser um pouco confuso.

    Clica em «Go to... xxxx...» sem esquecer usar o username «guest» e a password «quincunx».

    É só preencher e escolher se quer ficar na área «english» ou «portuguese» :)

    Pode-se inscrever os blogs de astrologia que entendermos.

    Sugestão: recomendo que uma das tags a usar seja o nome do seu blog.

    Vou deixar este aviso em outros blogs.

    Abraço

    António Rosa

    ResponderExcluir
  6. Estou chegando aqui agora e espero que tudo tenha corrido na mais perfeita ordem. Nossos pensamentos atraem coisas boas se forem positivos, tenho certeza de que deu tudo certo pra vc.

    Quando voltarme avisa? Gostaria de fazer uma pergunta, achei seu blog numa comunidade do orkut e já add.

    Meu blog http://ment-insana.blogspot.com

    Beijos e melhoras!

    ResponderExcluir
  7. só para avisar que o rodolfo está vivo.
    Sinto haver arruinado sua volta dramatica, mas é sempre bom avisar o povo ;-)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Como interpretar uma Revolução Solar?

No post anterior eu comecei a falar sobre o método de previsão mais popular da idade média e renascença: direções primárias + revolução Solar. Também lancei no ar uma frase não-tão-enigmática assim:
Na revolução, qualquer coisa que signifique o nativo deve estar em contato com qualquer coisa que signifique o evento Neste artigo, vamos decifrar a frase acima: você aprenderá a interpretar uma revolução solar de um modo minimamente decente pra você já fazer alguma previsão.

Para ter um entendimento satisfatório desse artigo, você precisa saber alguma coisa de astrologia: o que cada casa e planeta podem representar, o que são partes árabes, e o que são aspectos/conjunções. É um artigo para os já iniciados, mas você que está começando agora pode consultar outras fontes pra entender o que falo aqui - com a internet, não será difícil.

Como nascem os eventos? As aulas de astrologia horária que você anda fazendo com o tio William Lilly deveriam te levar a mais além de encontrar seu cachorro. E…

As Casas da Morte.

Quando se pensa em morte na Astrologia Moderna, após uma série de desculpas e desembaraços para se lidar com o tema, vem a nossa mente a Casa VIII. Na Astrologia Medieval, essa também é a Casa usada para a questão, porém existem mais duas que tem participação na delineação da morte: As Casas IV e VII. Como muitas coisas dos livros antigos, elas são citadas porém não são explicadas. Tal qual um rabino dedicado ao estudo do Torá, temos de buscar algum sentido para aquilo se quisermos "digerir" os aforismos. Caso contrário, estes passarão incompreensíveis ao nosso entendimento.

A Casa VII é o lugar onde os planetas se põem, e portanto guardam uma representação simbólica de morte. Autores gregos também consideram planetas na VII como representantes de eventos que acontecerão no fim da vida do nativo.

A Casa IV marca o fim de um ciclo, pois a partir dela o planeta volta a "subir" rumo ao Ascendente. Muitos autores usam a Casa IV para simbolizar as coisas que acontecem ao …